sexta-feira, 29 de julho de 2011

Folga ou férias ?

Pessoal da Vossa alega que estou de fèrias. Estou de folga.
Tinha prometido para mim nao (sem til), nao postar,nao acessar mails, celular desligado. Consegui ate que meu irmão Gondil deixou um recado no hotel dizendo:acesse o blog do Previdi hoje.
Muito legal ,havia mandado foto com 5 anos, cliquei e lá esta ela.
No frigir dos ovos rompi meu pacto depois do post ,do imperdível,blog do Previdi passei aqui para registrar o generoso registro do amigo.Passem lá.
previdi.blogspot.com/
Ét. Foto de uma delicia do restaurante Astrid y Gaston , passei lá na minha folga. Voltarei a comentar as boas coisa dessa terra.
Ét.2:desculpem as falhas no teclar ...

domingo, 24 de julho de 2011

Depois da chuva...



Depois de muitos dias de chuva e  frio deu para curtir o Brique.
Eu  e minha filha Luciana acordamos ,nos olhamos, e concluímos: 
hoje é dia de Brique. 

Lugar único, democrático e incomparável.

Um lugar  clássico da capital  como o Barranco, Gambrinus, Al Dente, Margs, Iberê, Puros, Casa de Cultura e tanto s outros lugares.
Porto Alegre é linda, é  única.



Fotos do Zé da Folha e Conjunto Blue Grass by Luciana Kurtz. 
Trilha com talentoso  Bebeto Alves, Depois da Chuva.

sábado, 23 de julho de 2011

segunda-feira, 18 de julho de 2011

“ Vida só é dura para quem é mole.”


Indiscutivelmente ser um grande vendedor é um dom. 
Só isso pode explicar pessoas que empreendem ou atuem em vendas e possuem capacidade de implementar e agir com abordagens de marketing eficazes.
O detalhe: esse grupo se quer passou perto dos bancos acadêmicos ou conviveu em ambientes que proporcionassem emergir o talento para tais atividades.
Que me desculpem os marketeiros, harvadianos ou formados em  qualquer outra escola de primeira linha mas , essa é a dura verdade.
Aliás são competências muito diferentes.
O melhor dos mundos é reunir a excelência da formação acadêmica com esse dom. É óbvio que tem inúmeros exemplos que reunem essas duas características.
E se o cara largou do box entâo tem um mérito maior. 

Emprender com sucesso ou vender é uma arte. 
Até aqui nenhuma novidade. Aliás esse post não é para falar de novidade.


Faz 25 anos que o  David Mendonça , ou como gosta de ser chamado: The Camelot David Portes iniciou sua trajetória de forma memorável.
Lendo o O Globo , de ontem, lembrei dessa figura única.
Com uma banca na Avenida Presidente Wilson , esquina com a Presidente Antônio Carlos no Rio, completa 25 anos este mês. 


David afirma que voltará a surpreender. Irá sortear prêmios como Tv, rádio e bicicleta. Mais do que isso apostará num approach de sustentabilidade. A cada 25 clientes atendidos, uma árvore será plantada.
É um  exemplo de talento e sucesso num país que vive numa gangorra de esperança e corrupção.
Ele faz jus ao nome: David.
Vale lembrar, nos 25 anos da carreira dele,  que não tinha 12 reais construí uma trajetória de sucesso apesar de não ser político ou estar ligado ao poder de plantão.
Ele não conhecia conceitos fundamentais de marketing apenas praticou de forma intuitiva e perseverante. Dois ingredientes fundamentais para quem quer construir uma trajetória de sucesso seja no marketing, nas vendas ou em qualquer outra atividade. É minha opinião.
A vida é dura ?


domingo, 17 de julho de 2011

Saudades dos amigos, eles voaram e não aterrissaram


Hoje faz 4 anos que aconteceu o acidente do voo 3054 da TAM.
Muitas pessoas , hoje, estão tristes. Com razão.
Perdi dois amigos. O Brito e Zé Luiz. 


O primeiro era um cara descolado , apesar de ter atuado muito tempo na área administrativa/financeira não era um turrão. 
Numa entrevista ao portal Coletiva.net disse que gostaria – na sua velhice – de morar na Patagônia onde desfrutaria da natureza, fumaria charutos e tomaria ótimos vinhos. “ Gosto de pensar nisso no final do dia, após dez horas de trabalho, quando o meu indicador de ceticismo está muito alto”.
Ele me lembra boas coisas, boas energias.

Partiu para outro mundo aos 45 anos e deixou a esposa Ana Paula e duas filhas gêmeas com 2 anos, Ana Vitória e Maria Paula.

Já José Luiz Souza Pinto, vulgo Zé Luiz, 
era pura alegria( infelizmente não tenho uma foto dele, creio que a postada acima lembra-o).
Incontáveis encontros participei com ele. 
Um motivador por natureza.
Lembro, como se fosse hoje, em uma reunião que participávamos elogiei sua gravata. Não deu outra: retirou e me entregou. 
"Magrão fica com ela, como lembrança". 


Na época imaginei  que seria uma lembrança para recordar 30 anos depois. Infelizmente não foi. Uma pena. Tenho e uso até hoje. 
 O Zé deixou a Neuza (sua esposa) e três filhos: Igor, Débora e Andréia.
Não poderia deixar de registrar a falta que esses caras fazem.
Certamente estão num lugar bacana. Eles merecem.


Shoppings Center gostam de clientes ou de “feirões de carros” ?


Fui ao Iguatemi , de Porto Alegre, na última sexta. Um caos no estacionamento. Fiquei , na parte externa, dando 8 voltas – mais ou menos 15 minutos – para encontrar uma vaga. Eram 20 horas. Dança das cadeiras ou melhor das vagas.
O motivo: um feirão de vendas de carros. Segunda semana consecutiva. 

Quem decide realizar dois eventos, em dois finais de semana consecutivos, merece um prêmio. Troféu Eu Adoro Feirão e Não Gosto de Cliente.

Não sou contrário a feirão nestes  locais. Mas vamos combinar: dois seguidos é para mandar seus clientes para outro shopping.
Os shoppings  já foram  mais cuidadosos  com seus clientes. 

Trilha do Rei. Por isso corro demais. Curta:



sábado, 16 de julho de 2011

Você frequenta supermercado todo dia? Gosta de comprar bem? Não se perca por ai...


Por prazer vou todos os dias ao supermercado. 
Frequento o Zaffari Higienópolis , em Porto Alegre. 
De segunda à segunda.

Saio da Vossa e passo lá. Decido o que fazer no jantar optando pelos melhores ingredientes do dia.


Um pastelão de forno, um Sant Peter (variação da Tilapia) , um file de porco, um baby bife...Enfim, decido na hora. O Zaffari é o imbatível quer seja por seus produtos ou pelo seu serviço. Não tem igual.

No domingo passado, dia 10 de julho , a Folha de São Paulo publicou matéria ,no caderno Mercado, que comprova a superioridade da rede gaúcha.
Esperava que os veículos locais repercutissem a pesquisa da CVA Solutions. 
Sentei, esperei e ninguém da mídia local tocou no assunto. 
Para quem não leu a matéria segue o quadro que demonstra a competência do grupo gaúcho.
Se você frequenta supermercado e gosta de comprar bem precisa saber:


Eu não vou me perder por ai: Elaine Geissler, Horizontes. Curta. http://www.youtube.com/watch?v=1ff_mT8K0Nk

quarta-feira, 13 de julho de 2011

“Dou pão aos patos desde 1974”.


A banca do Vilela é um templo da mídia impressa.  Particularmente não assino nenhum título , compro na banca dele. Aqui em Porto Alegre na Vicente com Felipe Oliveira.
No ínicio do segundo semestre de 2006 gente ligada ao bom jornalismo  comentavam e aguardavam o lançamento  de uma  nova  revista dirigida por João Moreira Salles. Em outubro chegava a Piauí.  
No primeiro domingo , daquele mê,s cheguei no Vilela e ele  me disse: eis a revista que todo mundo esta esperando, esse é o  primeiro número da Piauí. Comprei, leio , coleciono.  Textos únicos, única. 
A edição 58 , julho 2011, é outra memorável.


A matéria da Daniela Pinheiro , que foi a Suiça  com Ricardo Teixeira é uma narrativa interessante . Por vários motivos. O principal deles:  quem não conhecia o Teixeira   teve oportunidade de conhecê-lo.

Pincei os melhores momentos:
“Você acredita em tudo que sai na imprensa ? É tudo armação”
“Ai, pai ! Não me belisca!”
“ Desculpa.”
“Olha como a imprensa brasileira é escrota!”
“O circo é o único lugar do mundo hoje onde ainda há solidariedade”...
“O feio é perder, minha querida. Quando ganha , acabou.”
“Ninguém vai a nada inglês.” 
“ Em 2014, posso fazer a maldade que for. A maldade mais elástica, mais impensável, mais maquiavélica. ...Saio em 2015. E aí, acabou.”
Ufa. 
Trilha ,homenagem ao mineiro Vilela,com Skank É uma partida de futebol. 
http://www.youtube.com/watch?v=ftVoTWgSaQk


sábado, 9 de julho de 2011

Voar é sonho ou pesadelo?

Conheci  o Constatino Júnior em janeiro de 2001. Tive o privilégio, assim como os demais diretores e associados da Advb RS,  de recebê-lo, em Porto Alegre, em março daquele ano. Veio participar de um evento da entidade. Acompanhado de sua elegante esposa  e do  seu VP de Marketing – na época – Tarcísio Gargioni – impressionou a todos por sua visão competitiva e simplicidade. 
No linguajar automobilístico a Gol largou, naquela oportunidade,  do box. 
Hoje esta no pelotão da frente. 
 Na última sexta comunicou ao mercado a aquisição  da cambaleante Web Jet.

Fruto disso critícas à concentração de  mercado no  transporte aéreo do  Brasil emergiram.Com razão. Não conheço ninguém satisfeito.
 Aliás, tem uma opinião relevante no jornal O Sul de hoje sobre insatisfação com empresas do setor.

Como usuário semanal ,desse serviço, não creio que o problema seja somente das cias aéreas e sim do  modelo brasileiro. Ou seja, do  Governo.  
 Um Estado que não cuida da saúde, educação  e segurança deve estar se lixando para os usuários (vulgo clientes) desse segmento.
Naveguei  no site http://www.transtats.bts.gov/ e verifiquei  a participação da cias americanas no mercado interno daquele país.
Confira: d
Delta 16.6% 
Southwest 14.4%
American 13.5%
United 10.0%
US Airways 7.9%
Continental 7.3%
JetBlue4.4%
Alaska 3.4%
AirTran Corporation3.4%
SkyWest 2.1%
Other17%
Pelos números percebe-se que competição não falta por lá.

Não estou satisfeito com o serviço. O problema esta  nas Anacs da vida e claro nas empresas.
Voar era um sonho ,  hoje é um pesadelo.  Relaxa e goza.

“ O que era moderno e novo hoje é antigo”...Do mesmo cara que cantou Medo de Avião curta Velha Roupa Colorida. Belchior. http://www.youtube.com/watch?v=37C3jidpgb0
Imagens:sandromeira12.wordpress.com , salhoutblogsot.com,veja.com.br, sedentario.com.br

terça-feira, 5 de julho de 2011

Conversando com familiar de Andrade Neves,..



O CEO , assim definido pelo “camarada”  Cezar Roedel , Centro de Estudos Oliveira. Vulgo Toninho, dono da Puros Tabacos é um lugar único. Já afirmei isso em outro post.
Lá falamos de política, esporte e cotidiano. 
Lá encontramos médicos, intelectuais e gente bacana como o Edinho. 
Edson Andrade Neves. Um cara empreendedore linhagem profissional  de primeira.

Para terem ideia é familiar do Andrade Neves. Família com história.
Hoje falamos , durante um bom tempo, sobre a trajetória de seu antepassado, sua morte no Paraguai e sua condição de referência na cavalaria militar brasileira.
 Entre um “puros de Havana” e um vinho passamos por diversas pautas. Konka, Rei do Mocotó, Gambrinus e história do varejo no RS.Aliás o Edinho , como é conhecido pela turma do CEO, é uma autoridade nesse tema.


 Você conhece outro lugar que proporciona tão rico e prazeroso papo? Caso sim sorte sua. Caso não ,passe no CEO. Para os não fumantes tem um lugar externo. Além disso tem dias promocionais. Hoje era terça Vino, você paga duas taças e ganha a terceira. Confira e quem sabe você " esbarra" no Edinho e ele te conta mais sobre a história de Andrade Neves.

domingo, 3 de julho de 2011

Quem morre vira ...


O ex-preisdente Itamar faleceu no último sábado. 


Como todo mortal virou  herói.


Li um post do jornalista Marco Poli e lembrei de outros detalhes.


Quem morre vira herói ?

sexta-feira, 1 de julho de 2011

E agora ?



O fato do dia foi a reviravolta do caso DSK.


Fatos e fotos , conclusões a cargo de cada leitor.


Como recuperar a imagem ?

 É de estranhar sua liberdade alguns dias após a nova comandante do FMI tomar posse.



Ele ainda terá chances de sair candidato pelo Partido Socialista francês ? 
A data limite para recebimento de candidaturas é 13 de julho. 
A próxima audiência em NY será dia 18 de julho. 


O partido irá alterar o calendário ? Independente disso, e do resultado do julgamento de DSK ,esse será mais um case a ser estudado no capítulo "crises de imagem".